Petição com mais de 5 mil assinaturas pede um final para o anime de Cavaleiros do Zodíaco: The Lost Canvas

Os fãs de animes e mangás são muito fiéis.
E quando encaram um desafio, não há quem tire a ideia de suas cabeças, tamanha a devoção e o carinho que eles tem por uma obra. E este carinho é demonstrado pelo grupo Lost Canvas Return que está mobilizando fãs de Cavaleiros do Zodíaco por todo o mundo, solicitando com um abaixo-assinado que alguém termine The Lost Canvas, que parou de ser exibida sem um final, em 2011.

 

 O seriado foi cancelado, de acordo com a Tokyo Movie Shinsha, por causa do baixo indíce de audiência do programa, no Japão e em outros locais do planeta, exceto na América Latina, local em que a franquia é muito forte e conta com muitos adeptos.





Pois foi na mesma América Latina que a petição começou.

O grupo pede, em sua página no Change.org, que em respeito as mais de 3 décadas de produção e devoção de fãs por todo o mundo, a série tenha um fim, independente da forma a qual for realizada.
 Até episódios específicos na Netflix, em parceria com a Toei ou a TMS, é cogitado.





A petição precisa de 7.500 assinaturas, e conta com mais de 5 mil, até o momento. Em resposta ao movimento, Shiori Teshirogi, a autora do mangá, enviou uma pequena nota agradecendo a atenção dos fãs, dizendo que se sente agradecida ao ver o grande número de pessoas pedindo a volta do anime.

O barulho dos fãs podem render bons resultados. 
Family Guy é um ótimo exemplo para isso, após contar com mais de 128 mil assinaturas exigindo o retorno do cachorro Brian, logo após a sua morte em um episódio. Como todos sabem, o cão voltou logo em seguida. A mesma série, aliás, retornou de um cancelamento (coisa muito rara de se acontecer), após o “barulho” feito pela venda imensa de DVDs das primeiras temporadas, durante os três anos que a série ficou fora do ar, voltando para a grade da FOX, local em que está até hoje.

A petição está disponível neste link e você pode conferir mais sobre a iniciativa no blog do projeto e no Facebook.

Fonte: Arkade
Próxima
« Anterior
Anterior
Próxima »